Porque Hoje é o Dia Delas

março 8, 2007 at 12:42 pm 9 comentários

mulher eu te amo
todos os dias por ti me apaixono
companheira dos sorrisos de aurora
deusa linda, te quero todas as horas
me encanto ao te ver
sou feliz por te ter
te sinto a cada encanto
nas cores deste sorriso brando
te amo por mim, por nós
por todo teu jeito de desatar meus nós
nossos sentimentos
felizes momentos
te adoro guerreira, heroína, amiga
mulher, amante, doce menina

Eu juro que não sei qual é o segredo da mulher. Talvez eu conheça alguma de suas manhas e artimanhas. Por isso, sempre quero desvendá-la a alcance das suas emoções.
Porque aqui no meu Ácido Poético todas são uma.
A dona, a esposa, a namorada, a amiga, a senhora, a amante, a menina, a dama, a chefa, a ninfa, a madame e etc… Mulher é o meu viés para a poesia, alegria, imaginação ou qualquer coisa sem forma, talvez ácida. Mulher é tudo, seu dia são todos. Parabéns, sempre.

Entry filed under: Ácidos.

Ampliando o Horizonte – Reloaded Pró-texto

9 Comentários Add your own

  • 1. Krolzita  |  março 8, 2007 às 3:14 pm

    Querido vc e suas doces palavras q nos comovem e de certa forma tb nos move ! Grata por ter um amigo como vc!
    Beijos

    Responder
  • 2. Juliana  |  março 8, 2007 às 6:33 pm

    Ai, que fofo!
    E hoje eu fiquei feliz pq ganhei um vasinho de flores….

    beijo

    Responder
  • 3. Tati Collaro  |  março 8, 2007 às 10:43 pm

    Como sempre, brilhate!!!!!!
    bjinhusss

    Responder
  • 4. naty  |  março 9, 2007 às 11:15 am

    Olá belo poema,aliás como todos os outros.
    bjs naty

    Responder
  • 5. Luz  |  março 9, 2007 às 1:47 pm

    Muito obrigada pelas suas palavras.
    bjo

    Responder
  • 6. Leandro Jardim  |  março 9, 2007 às 2:52 pm

    bela homengem
    também plantei a minha
    abraço Jardineiro

    Responder
  • 7. Aline  |  março 11, 2007 às 2:20 am

    Só vc!

    :****

    Responder
  • 8. ariane  |  março 12, 2007 às 5:09 pm

    acho que vou chamar seu blog de doce poético….
    acho até que és um beija-flor… 🙂
    valeu pela homenagem
    doces beijos, doce poeta-ácido…

    Responder
  • 9. Stephany  |  agosto 13, 2008 às 6:37 pm

    bruno e a Stephany esta muito bom

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


O Poeta Corrosivo:

Bruno Cazonatti - Carioca, balzaquiano. Um redator feito de resto das estrelas, que insere neste espaço os seus textos e segredos de muitas lembranças caladas, rascunhos amassados e a poeira dos pés da sua curta estrada.
Faz poesia barata com seus segredos revelados em textos compostos de desejos implícitos, e apimenta suas letras mudas, com contos imaginários, salpicados da acidez que aparece entre raios de sol e a tempestade de palavras com aroma de chuva.
Tudo isso, bem misturado às mensagens rabiscadas na essência da sua vida.
----------------------------

Os textos deste blog estão protegidos pela lei nº. 9.610 de 19-02-1998.
Não copie sem permissão.
[Ácido Poético® - Todos os direitos reservados]

http://www.twitter.com/cazonatti

ø Textos Protegidos por Direito Autoral ø

Creative Commons License
Ácido Poético by Bruno Cazonatti is licensed under a Creative Commons Atribuição-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License.
Based on a work at Ácido Poético ®.
Permissions beyond the scope of this license may be available by: cazonatti@gmail.com

Às vezes balbucio algo no Twitter:


%d blogueiros gostam disto: